fbpx

Clausura em condomínios: saiba porque isso é importante

O uso de clausura em condomínios tem ganhado espaço entre os sistemas de controle de acesso mais comuns no país, à medida que os crimes contra o patrimônio crescem e a responsabilidade do síndico sobre a segurança dos moradores aumenta.

Utilizada tanto no acesso de pedestres, quanto de veículos, a clausura é um item de inteligência na segurança de prédios e edifícios, já que o sistema de duas barreiras, além de evitar a entrada de pessoas não autorizadas, também diminui o risco de invasões no local.

Antes considerado um sistema de segurança elitizado, adequado para imóveis de alto padrão, a clausura em condomínios vem se mostrando um complemento importante para um controle de acesso mais eficaz, mesmo em empreendimentos residenciais comuns.

Descubra como este sistema de proteção pode aumentar a efetividade da segurança predial e entenda porque o seu condomínio deve investir nisso.

clausura em condominios

O que é o sistema de clausura em condomínios?

A clausura é um sistema de segurança de duas barreiras, geralmente constituído por dois portões. Ela pode ser utilizada na portaria e na entrada da garagem do condomínio.

O objetivo da clausura é individualizar a entrada e a saída do prédio, separando tanto as pessoas quanto os veículos, em um esquema de entrada e saída um a um.

Assim, é possível identificar cada indivíduo separadamente, seja morador ou visitante, diminuindo os riscos de assaltos e ações com reféns.

 

Como funciona o sistema de clausura?

Mecanismo

O funcionamento do sistema é simples: após a identificação do visitante ou morador, o primeiro portão é aberto, o indivíduo entra e o portão é fechado, deixando a pessoa “enclausurada” até que o segundo portão seja aberto pelo porteiro para que a pessoa entre ou saia do condomínio.

Uma barreira só é aberta quando a outra é fechada.

O mesmo acontece com os carros que chegam ao portão da garagem. Um carro passa de cada vez, após identificação, esperando a liberação em duas fases, com abertura do primeiro portão e depois o outro.

Esse recurso diminui o risco de entrada de veículos de “carona” no condomínio, prática comum nas abordagens criminosas.

Quando o condomínio não dispõe de espaço suficiente para instalação de dois portões na garagem, o sistema de duas barreiras pode ser constituído de portão e cancela.

Estrutura

É conveniente que a área de clausura seja coberta, para proteger os condôminos e visitantes da exposição ao Sol e à chuva, em eventuais períodos de espera entre os portões.

Também é recomendável que haja um banco dentro do espaço da clausura, para que as pessoas de mais idade possam aguardar a liberação de entrada, sentadas confortavelmente, se for o caso.

Estes pequenos cuidados com a estrutura da clausura em condomínios facilitam a adesão dos condôminos ao sistema de segurança por diminuir possíveis inconvenientes que poderiam ser causados aos seus familiares e convidados nos momentos de entrar e sair do local.

Por questões de segurança, o ambiente da clausura deve, preferencialmente, ser construído com material resistente, como aço carbono ou similar.

Identificação

Em muitos casos, é nesta etapa “de clausura” que é feita a identificação da pessoa, via sistema biométrico ou outro método utilizado, como digitação de senha, aproximação de cartão de cadastro etc.

O sistema de clausura em condomínios é especialmente eficaz quando associado ao controle de acesso biométrico, pois, neste caso, a permanência de condôminos e visitantes frequentes na clausura é rápida, já que o cadastro é permanente e precisa ser realizado uma vez só.

Esse método combinado de controle de acesso também é mais seguro, pois ele identifica cada pessoa por meio de dados únicos do indivíduo, como as impressões digitais.

Portaria e garagem são os principais alvos de investidas criminosas em condomínios, colocando à prova, diariamente, a administração predial e a gestão de segurança do prédio.

Conclusão

Recursos complementares de segurança são verdadeiros aliados de síndicos e administradoras prediais no combate à violência urbana e preservação do patrimônio.

Gostou dessas dicas sobre a importância do sistema de clausura em condomínios?

E o seu condomínio, tem estrutura complementar de segurança no controle de acesso de condôminos, visitantes e veículos? Conte pra gente nos comentários.

Aproveite para compartilhar este artigo com os amigos em suas redes sociais.

Clausura em condomínios: saiba porque isso é importante

Deixe uma resposta